Como saber se um site é nofollow ou dofollow

como-saber-se-um-site-e-nofollow-ou-dofollow

Que os Backlinks são excelentes estratégias para ranqueamento e posicionamento, você pode até saber. Mas, a grande dúvida de muitos hoje é: como saber se um site é nofollow ou dofollow.

Até porque, hoje existem diversos tipos de Backlinks, divididos principalmente em nofollow e dofollow, que esses tipos acabam influenciando diretamente nos seus resultados.

Ou seja, conhecer que tipo de link é aquele que está vindo para o seu site, será extremamente importante, para saber como adaptar sua estratégia, e assim potencializar os resultados.

E, diante dessa dúvida, a QMIX separou para você as principais alternativas de como saber se um site é nofollow ou dofollow.

Como saber se um site é nofollow ou dofollow: o que são esses links?

Antes de tudo, você sabe o que significa um link do tipo nofollow ou dofollow? Qual a finalidade?

Inicialmente, muito confundido por muitos, esses links possuem uma grande diferença, e ambos são importantes para o SEO de um site.

Começando pelos dofollow, eles são os de maior relevância quando falamos em Backlinks, visto que são links que realizam a ligação de um site para outro.

Ou seja, aquele link passa autoridade de um site para outro, sendo realmente uma referência feita de um site geralmente maior, para um menor em crescimento.

Os Backlinks dofollow são hoje os que mais trazem resultados, uma vez que eles que realmente fazem a conexão entre ambos os sites, compartilhando o seu tráfego, ganhando autoridade, e assim se destacando nos motores de buscas.

No entanto, links nofollow não passam autoridade. Não passando referência e autoridade entre si.

Usam-se esses tipos de links principalmente por sites que não querem referir-se a outro, seja pelo conteúdo irrelevante, suspeito ou até mesmo por serem nichos diferentes.

Os links nofollow passam para o Google que o site citado não tem referência com aquele que citou, evitando até mesmo possíveis penalizações.

Porém, esses links são importantes, e devem ser usados, pois, querendo ou não, fazem parte da regra de SEO, e podem ajudar bastante no desenvolvimento do site.

Portanto, é importante usa-los. Diferente do que muitos acham, deve-se usar.

Links nofollow, são geralmente aqueles Backlinks grátis, que ajudam no posicionamento do site.

Os únicos Backlinks que você deve fugir, e não usar de forma alguma, são aqueles considerados SPAM. Pois, são bastante penalizados pelo Google e outros motores de buscas, o que prejudica-se totalmente seu crescimento.

Como saber se um site é nofollow ou dofollow: Use a Ubersuggest

Primeiramente, saiba que existem diversas ferramentas que vão responder à pergunta: como saber se um site é nofollow ou dofollow?

A Ubersuggest é uma das mais conhecidas para analisar o perfil dos links de um site.

Nesse sentido, apenas com o domínio do seu site em mãos, você consegue fazer uma pesquisa completa a respeito dos Backlinks, tendo acesso às principais informações, inclusive quantidade e tipos de links.

Ou seja, se você já pegou a ideia, sim, é possível também fazer essa análise de perfil em concorrentes, para assim montar sua estratégia.

Por fim, quando você acessar o site, e fizer a pesquisa, terá acesso as principais informações, como:

Links nofollow novos

Links dofollow novos

Número de Backlinks “follow” perdidos

Número de Backlinks “no-follow” perdidos

Além disso, você ainda consegue encontrar uma sessão que vai te ajudar também no SEO, fornecendo informações sobre pontuação de domínio e página, por exemplo.

Como saber se um site é nofollow ou dofollow: Use a cognitiveSEO

Mesmo sendo uma ferramenta um pouco menos conhecida, quando comparada com as outras opções que temos hoje, ainda sim, a cognitiveSEO pode lhe ajudar bastante a saber se um site é nofollow ou dofollow.

Isso porque, ela possibilita um estudo bastante completo a respeito dos perfis dos Backlinks de um site, trazendo diversas informações relevantes, como o tipo de link usado.

Além disso, você também pode ter acesso a uma série de outras informações importantes, como dados em tempo real, tendências de crescimento e detalhamento dos links, e etc.

Então, nós do time de Marketing da agência de SEO QMIX, indicamos bastante o seu uso, considerando principalmente o seu layout simples, fácil de usar e intuitivo.

Como saber se um site é nofollow ou dofollow: Use a Ahrefs

Outra ferramenta de muita relevância, tanto para Backlinks, quanto para o próprio SEO, é a Ahrefs.

Sendo fundada também pela Neil Patel, ela segue o mesmo estilo do seu irmão mais velho Ubersuggest, oferecendo uma série de informações relevantes.

Desse modo, você tem a possibilidade de rastrear os tipos, quantidades e dentre outras coisas, a respeito de Backlinks, palavras-chave e dentre outros.

Além disso, o estilo do site é muito semelhante ao seu irmão mais velho, onde você apenas com o domínio consegue fazer a pesquisa. Isso possibilita fazer um estudo dos seus concorrentes, vendo suas estratégias, e realizando o estudo necessário.

Portanto, para quem procura saber se um site é nofollow e dofollow, essa opção com toda certeza pode ajudar nesse processo.

Como saber se um site é nofollow ou dofollow: Use a Linkody

Por fim, mas não menos importante, temos uma das principais ferramentas focada na consulta de Backlinks, que é a Linkody.

O seu próprio slogan remete a consulta de Backlinks, sendo uma das ferramentas apropriadas para isso:

“Nunca verifique Backlinks manualmente. O Linkody automatiza todo o processo.”

Até porque, é difícil fazer manualmente a consulta, o que a plataforma facilita tudo isso.

Então, para você que deseja fazer o acompanhamento, com toda certeza pode valer muito a pena o seu uso.

Onde comprar Backlinks dofollow e de qualidade?

Como você viu, os dois links são importantes, mas claro, o do tipo dofollow é o que realmente faz a estratégia funcionar e acontecer.

Desse modo, comprar Backlinks do tipo dofollow é algo extremamente importante, principalmente para quem quer ganhar autoridade, tráfego e um excelente desempenho.

E nós, da agência de SEO QMIX estamos prontos para lhe atender, sendo hoje referência nesses tipos de links, com mais de 100 sites com tráfego qualificado, grande relevância e muito destaque.

O seu site vai ter autoridade, principalmente se considerarmos os links contextuais e de muita qualidade.

Então, faça o seu orçamento hoje mesmo e garanta o desenvolvimento do seu site.

Entre em Contato

Site para Transportadora: Como Aparecer na Primeira Página?

site-para-transportadora

Se você tem uma transportadora em qualquer região do país, deve saber o quanto é importante a divulgação do seu negócio, principalmente na Internet.

Isso porque a maioria das pessoas busca informações sobre transportadora no Google, e se você não estiver presente na web, é como se a sua empresa não existisse.

Ou talvez você até já tenha um site, mas se não for otimizado para os mecanismos de pesquisa, também não vai adiantar de nada.

O seu objetivo deve ser aparecer na primeira página do Google, mas como fazer para ter mais visibilidade? E o que fazer para o site da sua transportadora aparecer nas primeiras posições?

É exatamente sobre isso que vamos falar aqui, e te mostrar os principais benefícios de aparecer na primeira página do Google.

Como colocar site de Transportadora na primeira página do Google?

O Google leva em consideração vários critérios para classificar um site, aliando elementos técnicos, conteúdo e reputação.

Separamos aqui quais são esses critérios:

  1. Reputação e autoridade;
  2. Conteúdo;
  3. Técnica;
  4. Performance.

Os algoritmos do Google determinam de maneira dinâmica e contínua qual página na Internet é mais pertinente para uma palavra-chave ou uma expressão chave específica.

Mais um algoritmo encontra uma página ou um site pertinente em relação a uma pesquisa, mais o conteúdo em questão terá mais chance de aparecer na primeira página do Google.

A lista de páginas é conhecida pelo nome de “página de resultados dos mecanismos de pesquisa” ou SERP (Search Engine Results Page).

Veja, agora, quais os benefícios de aparecer na primeira página do Google.

Aparecer na primeira página do Google: quais os benefícios para sua transportadora?

Você sabia que a primeira página do Google representa sozinha mais de 91% dos cliques de pesquisa?

Já a segunda página, menos de 5% dos cliques.

Portanto, se o seu site não aparecer na primeira página do Google para uma pesquisa específica, considere como se ele fosse invisível.

E quais são as vantagens?

  1. Desenvolver a visibilidade do seu site;
  2. Atrair tráfego qualificado;
  3. Aumentar o engajamento com seu conteúdo;
  4. Gerar conversões (solicitação de orçamento, contatos);
  5. Aumentar sua autoridade e sua reputação no seu setor de atividade;
  6. Ganhar a confiança de sua audiência.

Mas quando falamos em número, o que isso significa?

Vamos dar o exemplo de uma transportadora:

Vamos supor que 500 pessoas pesquisam por mês “transportadora em Macapá”. Se o seu site está bem-posicionado na primeira página do Google, serão em média 31% dessas pessoas que irão acessar o seu site por mês.

Ou seja, serão 155 visitantes em busca de solução e que vão se dirigir, antes de tudo, para o site da sua transportadora.

Por outro lado, se você não estiver no top 5, talvez não atraia mais do que 20 prospects.

Esse é apenas um exemplo de pesquisas locais e mensais. Imagine isso durante o ano todo?

Em um contexto local, a primeira página do Google pode colocar o seu negócio como líder de um nicho, no caso, transportadora em um determinado local.

Mas como aparecer na primeira página: 2 técnicas

Existem duas maneiras de posicionar seu site na primeira página:

  1. Criando publicidade paga, através do Google Ads;
  2. SEO.

Essas duas técnicas são diferentes, mas utilizam algumas coisas em comum, como a definição de palavras-chave ou escrever títulos atrativos, podendo ser usadas sozinhas ou juntas.

A publicidade paga tem um resultado mais rápido, no entanto, o seu investimento será maior.

Já as técnicas de SEO demoram um pouco mais, mas os resultados são permanentes.

Como funciona o Google Ads

Na verdade, você vai pagar por um anúncio no Google, mas só vai pagar quando alguém clicar nele, que é chamado PPC (pagamento por clique). Isto é, se alguém não clicar, você não paga.

Essa estratégia permite posicionar imediatamente na primeira página do Google com base nas palavras-chave mais pesquisadas por seus clientes.

O Google Ads é um excelente meio de gerar tráfego qualificado para o seu site, principalmente se você não tem muita paciência.

Em alguns cliques, o Google permite ao seu site se posicionar diante de seus prospects qualificados prontos a contratar seus serviços.

Além disso, o controle de gastos é todo feito pela plataforma publicitária do Google.

Assim, você pode decidir quanto pode pagar por anúncio, bem como quanto pagar por dia.

Como posicionar seu site gratuitamente com SEO

Se você preferir optar pelo método natural, saiba que vai demorar um pouco mais para aparecer na primeira página, mas os resultados são muito mais duradouros, o que faz do SEO uma das melhores estratégias.

Caso seja a primeira vez que você está otimizando o seu site, o melhor é contar com a ajuda de especialistas em marketing digital, pois sabem exatamente o que fazer.

Veja, a seguir, os principais pontos do SEO:

  1. Escolha de palavras-chave relacionadas ao seu setor de atividade, por exemplo, “transportadora na cidade X”;
  2. Otimizaçâo do título;
  3. Conteúdo de qualidade;
  4. Backlinks, ou seja, links de outros sites apontando para o seu;
  5. Links internos;
  6. Otimizar as fotos.

Na verdade, o corpo do conteúdo de sua página é o local mais importante para inserir as palavras-chave.

No entanto, é crucial que essas palavras-chave sejam bem contextualizadas, isto é, naturalmente incorporadas.

A chave para aparecer na primeira página do Google é fornecer um conteúdo útil, confiável, fácil de ler e sobretudo, direcionado para o seu público-alvo.

Otimizar os diferentes elementos técnicos do seu site

Seu site é facilmente acessível em todos os dispositivos?

Hoje em dia, as pessoas utilizam muito mais seus telefones e tablets do que computadores, e a maioria das pesquisas locais por transportadoras são feitas em dispositivos móveis.

Assim, o Google privilegia os sites que são adaptados aos smartphones e tablets.

Mas se o seu site ainda não é responsivo, você pode fazer alterações para garantir a melhor experiência ao seu cliente.

Além disso, o seu site deve ter uma navegação intuitiva, dando as respostas procuradas pelos seus visitantes, e ficarão mais tempo na sua página e voltarão.

Consequentemente, o Google posicionará melhor seu site. E quanto melhor classificado, mais tráfego terá e mais chances de aparecer na primeira página.

Outro fator levado em conta é a velocidade do carregamento, e quanto mais lenta for, mais distante se tornará a primeira página.

Criar uma página no Google Meu Negócio

O Google Meu Negócio é uma das melhores ferramentas para os donos de empresas locais, e criar um perfil da sua transportadora é um meio simples e rápido de aparecer na primeira página do Google para pesquisas geolocalizadas.

Você deve fornecer o máximo de informações possível, e você também pode otimizar seu perfil para uma maior visibilidade:

  1. Complete cada seção de seu perfil;
  2. Atualize suas informações;
  3. Coloque fotos;
  4. Publique novidades;
  5. Insira os serviços da sua transportadora.

Pronto para posicionar sua transportadora na primeira página do Google?

Chegar no topo da primeira página do Google ou simplesmente melhorar sua classificação não é impossível, mesmo se a sua transportadora não for muito grande.

Isso requer tempo e trabalho, mas é uma das coisas mais importantes que você pode e deve fazer.

Sabendo o que fazer, você pode dar à sua empresa a visibilidade que ela merece.

Agora, se você precisar de ajuda, a QMIX Digital pode te dar todo o suporte e quando menos imaginar, seu negócio estará nas primeiras páginas do Google!

Entre em Contato

Verificar autoridade de domínio em massa: 7 ferramentas para SEO

verificar-autoridade-de-dominio-em-massa

Você sabia que existem muitas opções de verificar autoridade de domínio em massa, que ajudarão a crescer o seu site?

Até porque, essa pontuação gerada pelo MOZ, é quem informa como o seu site será classificado no mecanismo de pesquisa.

Ou seja, ficar por dentro da por dentro da autoridade de domínio é algo extremamente importante para um site.

Sabendo disso, para verificar a autoridade de domínio de um site, a maioria dos profissionais de marketing de SEO, usam diferentes ferramentas online que informam o DA preciso de qualquer site.

A pontuação da autoridade do domínio de um site varia de zero a 100, onde zero significa o pior e 100 é a pontuação ideal.

Alguns dos principais fatores que o MOZ usa para calcular a autoridade de domínio de um site são:

  • Idade do site
  • Quantidade total de links
  • Qualidade do conteúdo
  • Sinais Sociais
  • MozRank
  • MozTrust
  • Velocidade do site

Desse modo, se você tem um site que demostra um grande desempenho nesses fatores, certamente é fornecida uma grande pontuação do domínio.

Verificar autoridade de domínio: O que é?

Autoridade de Domínio é um algarismo entre 1 e 100, sendo 1 o pior e 100 sendo o melhor. O que essas métricas significam? É uma pontuação de classificação dos motores de busca como Google e Bing. Em outras palavras, é uma medição de quão bem seu domínio irá classificar nas páginas de resultados do mecanismo de busca (SERPs).

A Domain Authority (DA) foi criada pela Moz, uma empresa conhecida por profissionais de SEO e marketing digital. O número em si é fundamentado em uma escala algorítmica. Isso significa que é muito mais fácil aumentar a pontuação de um site DA 20 para DA 30, do que movê-lo de uma pontuação de DA 80 para DA 90. Em outras palavras, quanto melhor as métricas de um site, mais difícil fica para aumentar a DA.

Portanto, para que você possa entender mais a fundo, vamos discutir alguns verificadores de autoridade de domínio que ajudam vários profissionais de marketing de SEO a verificar o DA e PA de vários sites ao mesmo tempo.

Verificar autoridade de domínio em massa: 7 opções

Primeiramente, antes de partir diretamente para os verificadores de domínio em massa, saiba que os sites a seguir fornecem os melhores verificadores de DA em massa, e ótimas ferramentas para verificar SEO de site, que ajudam diversos especialistas SEO em todo o mundo.

Por fim, sem mais enrolações, confira:

Verificar autoridade de domínio: 1. Prepostseo

prepostseo-verificar-dominio-em-massa

Começando com ele, na opção “Domain Authority Checker” (verificar autoridade de domínio) DA PA da Prepostseo, ajuda os profissionais de SEO a encontrar facilmente a autoridade da página de até 500 sites com apenas um clique.

Para usar este verificador, é muito simples, onde basta você colar os URLs na caixa de entrada e pressione o botão “Verificar Autoridade”.

Sendo assim, o verificador verifica todos os fatores de classificação de um domínio e gera rapidamente a pontuação do domínio.

Principais características que você vai encontrar nesse site:

  • URLs em massa: o verificador permite que os usuários verifiquem rapidamente o DA de até 500 sites com um único clique.
  • Moz Metrics: Ele enfoca a geração da pontuação DA junto com o PA, SS (Spam) e endereço IP.
  • Páginas indexadas: o DA Checker mostra o número de páginas do site indexadas no Google.
  • Dados brutos: Os recursos incríveis deste verificador DA online gratuito permitem que os especialistas em SEO verifiquem sites na forma de dados brutos, ou seja, trazendo um maior alcance e precisão.
  • Baixar Relatório: Após gerar o relatório final, permite que os usuários baixem o relatório final em formato HTML ou Excel, assim, facilitando a análise.
  • Gratuito e seguro: O verificador é totalmente gratuito e 100% seguro para verificar o DA PA de sites em grande quantidade.

Além disso, a versão paga deste verificador online também está disponível com alguns recursos excelentes e que realizam uma análise mais aprofundada.

Domínio ferramentas

Estamos usando a versão paga e realmente encontramos diversas ferramentas que valem o preço que foi pago. Além de verificar autoridade de domínio “DA PA Checker (Domain Authority Checker)”, estamos explorando recursos como indexador de links, ferramenta de plagio, extrator de links da página, fabricante de backlinks gratuitos entre outras.

No entanto, para uma análise convencional, para melhorar o desempenho, a versão gratuita já vai ajudar muito.

Verificar autoridade de domínio: 2. Dev22.rankz

O verificador de autoridade de domínio da Dev22 também apresenta alguns dos melhores recursos para medir autoridade do domínio em massa.

Desse modo, essa ferramenta online também verifica a autoridade da página de vários sites e encontra algum domínio de qualidade para a campanha de geração e consulta de backlinks de um site.

Para usar esta ferramenta online é muito simples, onde basta você colar os URLs na caixa de entrada e clicar no botão “Verificar Autoridade de Domínio”.

Assim, fazendo isso, a ferramenta usa suas técnicas mais recentes e verifica rapidamente a autoridade de domínio do site.

Características principais desse verificador de autoridade de domínio:

  • Verificador de domínios em massa: Esta ferramenta online permite que os usuários verifiquem rapidamente o dia e o dia de até 250 sites de uma vez.
  • Autoridade de domínio e página: verifica cada URL e gera o domínio exato e a pontuação de autoridade da página.
  • Verificar Backlinks: também informa a quantidade real de backlinks de um site.
  • Salvar Relatório: Esta ferramenta online também gera o relatório do arquivo e permite aos usuários salvá-lo diretamente no sistema, dessa forma, facilitando o trabalho do SEO.
  • Gratuito e seguro: A ferramenta é totalmente gratuita e segura para verificar vários sites.

Verificar autoridade de domínio: 3. Bulkseotools

O verificador de autoridade de domínio em massa da Bulkseotools fornecerá aos webmasters SEO um resultado rápido sem qualquer verificação de código CAPTCHA.

Além disso, não esquecendo que essa ferramenta online também permite que vários usuários verifiquem mais informações sobre um site com apenas um clique.

Para usar esta ferramenta online, simplesmente cole os links de quantidade em massa na caixa de entrada e pressione o botão “Enviar”.

Por fim, ao verificar todos os fatores MOZ importantes de um site, ele gera o relatório de resultado final em poucos minutos.

Características desse site:

  • Bulk Webpages: Esta ferramenta online é capaz de verificar 200 URLs por vez.
  • Moz Metrics: Calcula a autoridade de domínio de um site junto com sua pontuação PA, assim, trazendo resultados precisos.
  • Backlinks: Também determina a qualidade dos backlinks do site.
  • Links totais: Esta ferramenta online gratuita também calcula e informa o número real de links que um site obteve.
  • MozRank: A ferramenta também informa ao MozRank de vários sites em um único clique.

Verificar autoridade de domínio: 4. Thealphateam

O verificador DA online da Thealphateam ajuda vários profissionais de marketing de SEO a verificar as métricas de MOZ de sites em massa com um único clique.

O foco principal desta ferramenta online é verificar as métricas importantes de um site, incluindo a autoridade de domínio e a pontuação de spam.

A interface do usuário desta ferramenta online é bastante interessante e simples de usar.

Dessa forma, basta colar os URLs na caixa de entrada do verificador e clicar no botão “Enviar”, com um resultado fácil, rápido e intuitivo.

O verificador ainda usa seus algoritmos avançados e calcula rapidamente a pontuação DA de determinados sites.

Por fim, mas não menos importante, as principais características desse site, são:

  • URLs múltiplos: esta ferramenta online permite que os usuários verifiquem imediatamente 20 sites de uma só vez.
  • Moz Metrics: analisa o site e informa todas as métricas importantes do MOZ.

Além disso, essas métricas incluem DA, PA, endereço IP e pontuação de spam do site verificado.

  • Domínio de backlink: também mostra todos os domínios vinculados de um site para medir sua pontuação de domínio.
  • Relatório de download: esta ferramenta online gratuita de verificação DA também oferece a opção de salvar o arquivo diretamente no sistema.

Verificar autoridade de domínio: 5. Igt.com

A ferramenta de verificação DA online da IGT permite que os profissionais de marketing de SEO verifiquem as métricas MOZ de vários sites rapidamente.

Por conseguinte, essa ferramenta vem com alguns recursos incríveis para verificar rapidamente o domínio e a pontuação de autoridade da página de um site.

Para você usar esta ferramenta online é muito simples, basta colar os links no verificador e clicar no botão “Enviar”.

Logo após você enviar os links, o site verifica rapidamente todos os URLs e gera a pontuação de autoridade de domínio em alguns segundos.

Principais características do site:

  • URLs múltiplos: vários profissionais de marketing de SEO usam essa ferramenta online para verificar até 20 sites com apenas um clique
  • Excluir URLs: exclui automaticamente os mesmos URLs de domínio.
  • Autoridade de domínio e página: analisa todos os fatores de classificação de um site e gera uma pontuação DA e PA precisa.
  • Salvar relatório: também oferece a opção de baixar o arquivo de resultado diretamente no sistema.

Verificar autoridade de domínio: 6. Analisador de local

Este verificador de DA em massa on-line permite que os webmasters verifiquem a autoridade de domínio de um site antes de fazer qualquer compra.

Nesse sentido, ele se concentra em fornecer resultados precisos para analisar os fatores importantes do site rapidamente.

Cole os links diretamente no verificador, digite o código CAPTCHA e clique em “Verificar MOZ DA / PA”.

No entanto, fique atento na hora de adicionar, uma vez que cada URL deve ser colocado em uma única linha.

Por fim, as principais características dessa ferramenta, são:

  • URLs em massa: Esta ferramenta online pode verificar até 10 sites de uma vez.
  • Verificador de domínio: Analisa o site e gera sua pontuação de autoridade de domínio e página.
  • Verificador de links: A ferramenta também informa o status dos backlinks de um site para verificar sua classificação geral nas SERPs.
  • Código de Status: Após verificar o site, gera rapidamente seu Código de Status.
  • Baixar relatório: para salvar o relatório no sistema, também oferece uma opção para baixar o arquivo CSV.

Verificar autoridade de domínio: 7. Referências ilimitadas

Este verificador de autoridade de domínio em massa permite que os especialistas em SEO verifiquem vários URLs rapidamente.

Desse modo, de uma forma simples, esta ferramenta online define a autoridade de um determinado site para verificar sua classificação geral.

Além disso, a interface do usuário desta ferramenta de verificação DA é simples e bastante fácil de usar.

Assim, basta você colar os URLs na caixa de entrada e lembre-se de que cada link deve ser colocado em uma linha separada.

A ferramenta verifica rapidamente todos os fatores de classificação importantes de um site e calcula suas métricas do Moz.

Principais características da ferramenta:

  • Bulk Web pages: O principal objetivo desta ferramenta online é verificar até 20 URLs com um único clique.
  • DA & PA: Depois de analisar os fatores importantes de classificação de domínio, ele calcula rapidamente o domínio e a autoridade da página.
  • Links reais: Também informa o número total de links de um site.
  • Baixe o CSV: Esta ferramenta online gratuita também permite que os profissionais de marketing de SEO baixem o relatório de resultados diretamente no sistema.

Considerações finais

Se você quer aumentar o desempenho do seu site, e dessa forma, está em busca de bons verificadores de autoridade de domínio, esse é o lugar certo.

Sendo assim, você acaba de encontrar as opções mais usadas e comprovadas pelos maiores especialistas de SEO do mundo.

Então, o que você está esperando para verificar a pontuação do seu site, e aumentar o desempenho agora mesmo?

Marketing automotivo: 5 dicas que realmente funcionam

marketing-automotivo

A partir de agora, vamos apresentar dicas de marketing automotivo que realmente funcionam. As estratégias presentes neste artigo já foram testadas por diversas empresas, garantindo resultados incríveis para os negócios. 

Vale a pena acompanhar as orientações, uma vez que o marketing automotivo bem feito traz ótimos resultados não só para venda de veículos novos, mas também para aquelas empresas que trabalham com automóveis seminovos. 

Site para Marketing Automotivo

Vamos iniciar as nossas dicas de marketing automotivo que realmente funciona falando sobre a importância de transferir um estabelecimento físico para o ambiente digital.

Sabemos o quanto a pandemia causada pelo novo coronavírus afetou diversas áreas da sociedade. E no segmento automotivo não foi diferente. Não é difícil encontrar empresas que fecharam as portas e estão investindo no desenvolvimento de sites ou de redes sociais. 

Porém, não basta apenas publicar uma página na internet. É importante ter um cuidado especial com o design, pontos de conversão e atendimento ao consumidor. A junção desses ingredientes impacta positivamente nos números do seu negócio. 

Marketing Automotivo usando chatbot

Foi-se o tempo em que o chatbot era considerado apenas tendência no mercado automotivo. Agora, muitas empresas estão utilizando aplicativos de assistente virtual não só em sites, mas também em redes sociais. 

Uma das principais vantagens dessa tecnologia é que ela permite programar respostas automáticas para seus consumidores. Ao reduzir o tempo de espera do cliente, ele se sente mais valorizado e mais empolgado em finalizar a compra com o seu estabelecimento. 

Outro ponto positivo do assistente virtual é que ele pode ser implementado também no WhatsApp do estabelecimento. Ao instalar essa tecnologia, você consegue construir uma comunicação cordial para solucionar os principais questionamentos dos consumidores. 

A inteligência artificial pode ainda encaminhar a conversa para um colaborador da sua empresa quando o consumidor pretende ter uma comunicação mais personalizada com o seu estabelecimento. 

Marketing Automotivo nas redes sociais 

Qual é a frequência de publicação da sua empresa nas redes sociais? Se respondeu que ela é baixa, é melhor mudar a sua estratégia se quiser resultados no marketing automotivo. Essas ferramentas contém um fluxo temporário próprio. Isso quer dizer que algumas publicações são visualizadas com agilidade, enquanto outras são ignoradas pelo sistema. 

Por isso, é fundamental publicar com frequência, pensando nos valores e metas do negócio. No entanto, não basta apenas informar as principais tendências do segmento. Você deve compartilhar conteúdo que ajuda o usuário a resolver um problema naquele momento, como: dicas para comprar carro seminovo, benefícios de investir em um carro seminovo, como cuidar de um veículo, entre outros. 

Marketing Automotivo com o Google Meu Negócio

O Google Meu Negócio é uma estratégia interessante para o marketing automotivo. Ele permite fazer a gestão de informações da empresa, interagir com os consumidores, visualizar dados sobre os clientes, avaliar as interações dos anúncios e anunciar ofertas especiais e promoções.

Com poucos cliques, o cliente tem à disposição detalhes importantes sobre o seu negócio, como: Website, direções, número de telefone, horário de estabelecimento, avaliações de outros consumidores e fotos da loja ou dos veículos. 

Não é necessário ser um especialista em tecnologia ou internet para implementar ações no Google Meu Negócio, uma vez que ela é bastante intuitiva. 

SEO para Marketing Automotivo

O SEO (Search Engine Optimization) é um grupo de estratégias que tem como missão garantir um melhor posicionamento da sua página nos principais buscadores do mundo, como o Google. 

No segmento automotivo, algumas estratégias são essenciais, como: escolha de palavras-chave, otimização de imagens, desenvolvimento de conteúdo útil e autoridade do domínio. Na internet, você pode encontrar diversos cursos gratuitos que ajudam a entender o tema com mais facilidade. 

Um dos erros mais comuns entre os responsáveis pelas estratégias de marketing automotivo é trabalhar com base em “achismo”. Os dados são fundamentais para as empresas, pois indicam quais foram as ações que surtiram efeito positivo e quais são aquelas que precisam ser ajustadas. Dessa forma, você consegue criar um diferencial competitivo no mercado. 

Caso prefira focar no seu negócio, buscar novas oportunidades para sua empresa, deixe o marketing automotivo conosco. 

A QMIX possui equipe de SEO especializada em marketing digital para deixar sua empresa nas primeiras páginas do Google.

Você já imaginou o volume de vendas das empresas que aparecem nas primeiras páginas do Google?

Como trazer visitantes para a minha loja virtual? Blog!

como-trazer-visitantes-para-minha-loja-virtual

Você tem um e-commerce e não sabe o que fazer para gerar mais tráfego e melhorar suas taxas de conversão?

É muito simples: você deveria ter um blog!

Lembrando que criar um site é uma coisa, e desenvolver seu tráfego é outra.

E para o crescimento do seu negócio, é fundamental fazer duas coisas: aumentar o número de visitantes e melhorar suas taxas de conversão, que é a proporção de visitantes que se tornam clientes e que compram.

Isso é muito importante em qualquer tipo de negócio na Internet, e é aqui que entra o blog.

É vamos dizer agora o porquê!

Por que criar um blog no seu site e-commerce?

A principal razão é que ter um blog contribui para melhorar o posicionamento natural do seu site.

Ao aparecer nas primeiras páginas do Google ou outro mecanismo de pesquisa, isso vai dar muito mais visibilidade à sua marca, e atrair mais clientes.

E justamente ter um blog onde você posta regularmente novos conteúdos é uma das estratégias mais eficazes para melhorar o posicionamento do seu site.

Separamos aqui outros motivos da importância de ter um blog:

  • Possibilita um maior número de páginas do seu site, e consequentemente, aumentar a quantidade de links internos;
  • Permite obter backlinks grátis, ou seja, links de outros sites ou redes sociais apontando para o seu site, onde os artigos do blog ajudam muito;
  • Envia sinais aos motores de pesquisa que seu site é ativo e enriquecido regularmente com novos conteúdos. Lembrando que postar com frequência é a chave para manter e melhorar o posicionamento de um site;
  • Permite trabalhar suas palavras-chave, isto é, aquelas relacionadas com a sua atividade, aos produtos que você vende.

Como você percebeu, ter um blog é uma das melhores estratégias hoje para ranquear um site, gerar mais tráfego, aumentar a visibilidade e credibilidade.

Como o blog ajuda a gerar mais tráfego para seu site

Para você entender como funciona na prática, veja essa técnica:

Vamos supor que você está procurando ideias para os seus artigos. Faça uma lista de perguntas que seus clientes fazem nos motores de busca.

Por exemplo, você vende roupas de ginástica para mulheres. Coloque-se na posição de uma mulher que está procurando por uma roupa de ginástica.

Veja todas as perguntas feitas e cada uma pode ser um artigo.

Ou cada vez que um visitante do seu site faz um comentário, você pode responder sob forma de artigo do blog.

Portanto, no posicionamento de um site, o conteúdo é tudo.

E ao criar vários artigos e de qualidade é a melhor forma de melhorar sua visibilidade aos olhos do Google e assim, gerar mais tráfego para o seu site.

É por essa razão que você deve ter um blog.

O blog ajuda a contar a sua história

Você viu acima como o blog pode gerar mais tráfego para o seu site, mas também é uma ótima ferramenta de fidelização.

Isso porque possibilita construir uma relação entre seus clientes e sua marca.

Dessa forma, o blog pode ser utilizado para compartilhar seus valores, novidades, enfim, para contar a sua história, que é o chamado de storytelling.

Você também pode adicionar vídeos ou animações, para deixar seus artigos mais interessantes.

Ter um blog é também uma maneira de apresentar seus novos produtos, como são, suas características…

Portanto, o blog funciona como um canal de comunicação, o que ajuda muito na fidelização dos seus clientes.

Ter um blog para se posicionar como um expert na sua área

Quando você lê um artigo bem escrito, útil e interessante, provavelmente vai querer compartilhar.

Essa é outra vantagem de ter um blog, pois quanto mais compartilhamentos, maior probabilidade do seu site alcançar melhores posições, pois mostra ao Google que seu conteúdo é bom e que agrega valor.

Além disso, postar artigos no blog associado ao seu site de e-commerce permite mostrar aos seus visitantes que você é um expert na sua área.

Quando se trata de e-commerce ou uma loja virtual, as pessoas ficam ainda um pouco desconfiadas, principalmente quando uma marca não é tão conhecida.

E o seu blog vai gerar mais credibilidade e mostrar que você é sério e confiável.

O que escrever no blog?

Para quem não tem muita afinidade com a escrita, vai sentir uma certa dificuldade, especialmente quando se trata de encontrar ideias.

Lembrando mais uma vez que ter um blog tem um grande impacto no crescimento do seu tráfego e nas suas taxas de conversão.

Por isso, tente escrever pelo menos um artigo por semana. Não precisa redigir um romance literário, mas algo coerente e de forma a despertar o interesse do seu público.

Na verdade, o maior desafio não é escrever, e sim saber o que escrever.

Você pode pesquisar em outros blogs e sites que tenham a ver com o seu e busque se inspirar no que escrevem.

Agora, se mesmo assim, se sentir incapaz de escrever ou até por falta de tempo, considere contratar um redator freelancer para fazer esse trabalho para você.

Vale a pena ter um blog no seu site e-commerce?

Depois de tudo o que você viu aqui, deve ter percebido que vale a pena sim ter um blog no seu site e-commerce.

Seu site vai ficar mais visível, mais humano, mais interativo, e sem falar no impacto que pode ter no SEO um blog que recebe regularmente artigos.

Além disso, em um site, você é limitado à descrição do produto, assim como as imagens.

Já em um artigo de blog, você pode ir além, postar conteúdos mais longos, sem necessariamente dar a impressão que você quer vender.

É uma oportunidade de dar dicas, mostrar sua expertise, seu know-how, e humanizar o contato com a marca para transformar uma simples compra em uma verdadeira experiência, como se tivesse em uma loa física.

Hoje, existem algumas plataformas que permitem integrar um blog em um site e-commerce, mas se você sentir dificuldade, nós, da QMIX Digital, contamos com uma equipe especializada para te ajudar em todo esse processo.

SEO OFFPAGE: o que é e como fazer SEO OFF PAGE no meu site?

o-que-e-seo-offpage

Diferentemente do SEO On Page, que tem o objetivo de otimizar as páginas do próprio site, o SEO Off Page, é para otimizar o site com base em elementos externos.

E mesmo aplicando as técnicas do SEO Off page, é essencial continuar com o On Page, pois isso é que vai fazer com que outros sites apontem o seu como relevante.

No entanto, para que os resultados aconteçam, existem técnicas específicas, com o objetivo de tornar seu site uma referência.

E é justamente isso que vamos mostrar aqui. E se você quer que seu site seja bem posicionado nos mecanismos de pesquisa, com certeza todas essas dicas vão ajudar bastante.

O que é SEO Off Page?

Antes de aprender as técnicas, vamos entender mais o conceito de SEO Off Page.

De uma forma bem simples: é um conjunto de técnicas de otimização que se baseiam em backlinks direcionados ao seu site, ou seja, links externos, mostrando ao Google que seu site é uma autoridade na área.

O ideal é que o SEO Off Page seja usado em conjunto com o SEO On Page, pois, na verdade, um complementa o outro.

E a explicação é simples: a maior parte dos backlinks é obtido a partir dos conteúdos produzidos no próprio site, os quais podem ser otimizados através da aplicação do SEO On Page.

E por consequência, vai favorecer o posicionamento natural do seu site.

O que é SEO?

SEO é um dos pilares do marketing digital, uma vez que engloba técnicas para otimizar os conteúdos de um site para os mecanismos de pesquisa, principalmente o Google.

Tem como principal objetivo posicionar um site nas primeiras páginas dos resultados de pesquisa, de preferência, na primeira página. 

Por isso, o SEO é fundamental para:

  • Ter mais visibilidade;
  • Atrair visitantes qualificados;
  • Aumentar a credibilidade;
  • Dar mais autoridade ao site.

E para otimizar um site, você vai usar o SEO On Page e o SEO Off Page, que juntos representam o SEO propriamente dito.

Talvez você já tenha ouvido falar sobre SEO On Page, que são estratégias para otimizar cada página de um site para os mecanismos de busca. Por exemplo, inserir palavras-chave, criar um título atrativo, adicionar links internos, etc.

Já o SEO Off Page se refere a todas as ações vindas do lado de fora do seu site, e talvez você se pergunte: por que isso é importante?

Qual é a importância do SEO Off Page?

Em primeiro lugar, qual é o principal papel dos motores de pesquisa? Mostrar os melhores resultados no momento em que uma pessoa faz uma pesquisa na Internet.

Para ter seu site na primeira página do Google, a plataforma usa algoritmos, que ficam guardados a sete chaves.

O que sabemos é que o Google usa mais de 200 critérios na hora de classificar os sites, por exemplo, a popularidade e autoridade de um site.

Além disso, essa análise é diária, e novamente, para entregar ao internauta exatamente o que ele está procurando.

Quando falamos em popularidade de um site, você sabia que é medida com base nas referências que ele tem em outros sites?

Assim, quando um outro site aponta o seu em algum dos seus conteúdos, é um indicador que o seu conteúdo é de qualidade e querem compartilhá-lo com seu público.

Alguns se referem a isso como um voto de confiança.

Lembrando também que esses outros sites, por meio de backlinks, ou seja, links direcionados ao seu site, buscam também maior visibilidade.

Dessa forma, vamos supor que você acesse um site e se interessou pelo conteúdo. Ao mesmo tempo, esse site faz referência a um conteúdo do seu site.

Como você gostou do que leu, naturalmente vai clicar nesse link para querer saber do que se trata.

E essa é uma das principais funções do SEO Off Page, gerar mais tráfego para o seu site através de uma ação externa, daí o nome Off Page – Fora da Página.

Por outro lado, essa conexão com outros sites, mesmo que não gere backlinks, ajudam na otimização.

Se você ainda está em dúvida se vale a pena ou não aplicar o SEO Off Page, separamos, a seguir, as principais vantagens.

Conheça as principais vantagens do SEO Off Page

Quando o seu site é mencionado em outro, mostra que é uma autoridade naquele determinado assunto.

E quais as vantagens?

  • Gerar mais tráfego a partir da análise dos mecanismos de pesquisa: isso acontece porque os algoritmos dos mecanismos de pesquisa levam em consideração o número e a qualidade dos backlinks;
  • Gerar mais tráfego a partir da exibição de seus links: cada link inserido em um outro site aumenta a chance de ser clicado. É como se você pegasse um pouco do tráfego de todos esses sites;
  • Aumentar sua autoridade e credibilidade: quanto maior a confiança, mais o site receberá recomendações;
  • Melhorar sua classificação nos motores de pesquisa: o número de visitas aumentará naturalmente e assim, você poderá construir uma comunidade fiel;
  • Aumento do PageRank: PageRank é uma nota de autoridade que vai de uma escala de 0 a 10, usada pelos algoritmos do Google;
  • Mais visibilidade: Quanto melhor a classificação, maior será a visibilidade nos resultados de pesquisa, aumentando a chance de conseguir backlinks grátis.

Além de todas essas vantagens, o SEO Off Page também ajuda a atrair um tráfego mais qualificado.

Como conseguir backlinks

Como você viu acima, um dos critérios utilizados pelo Google para o posicionamento de um site é a quantidade e qualidade dos backlinks, que são links de outros sites apontando para o seu.

Mas o que é um backlink de qualidade?

Antes de tudo, bons backlinks não significam apenas uma grande quantidade de links, mas antes de tudo, links de boa qualidade.

Na verdade, pouco importa o número de links que apontam para o seu site, o importante é de onde vem esses backlinks.

Por exemplo, um único link vindo de um site de alta autoridade tem um peso muito maior do que vários backlinks vindo de diversos sites de menor relevância.

Com o SEO Off Page, seu objetivo será conseguir links de sites com forte autoridade.

E talvez você se pergunte: como conseguir backlinks de qualidade?

É só produzir conteúdos úteis e pertinentes que outros sites se interessem em querer citar em seu próprio conteúdo.

Confira, a seguir, como fazer uma análise de backlinks.

Como fazer uma análise de backlinks?

Analisar seus backlinks é, antes de mais nada, avaliar a quantidade e qualidade de links que estão entrando no seu site. 

Um bom link vai ajudar a melhorar seu posicionamento, no entanto, um volume muito grande de links ruins pode inclusive causar uma penalização por parte do  Google.

E é justamente para evitar esse efeito negativo para o seu site, que é fundamental avaliar a qualidade de todos os links direcionados para o seu site.

Uma outra dica é dar uma olhada nos backlinks de seus concorrentes, pois pode ajudar você mesmo a avaliar os seus ou criar outros que impactem mais positivamente no seu posicionamento.

Talvez você ache isso tudo um pouco complicado, mas quando começar a aplicar na prática, verá que não é tão difícil assim.

Como funciona na prática?

Quando se trata de atrair um tráfego qualificado, o primeiro passo é se colocar no lugar do seu cliente ideal.

Agora, para ganhar tempo, pesquise quais sites o seu cliente ideal se conecta com mais frequência.

Chegou o momento de colocar em prática, e o que fazer?

1.Produzir conteúdos de qualidade

Quando você produz conteúdos de qualidade e que agregam valor, as chances são que sejam compartilhados.

Um bom texto não apenas gera mais tráfego, mais credibilidade e autoridade, mas também desperta o interesse de outros sites em querer compartilhar seu conteúdo.

2.Entre em contato com blogueiros

Não estamos querendo dizer para enviar centenas de e-mails solicitando que insiram o seu link.

Em um primeiro momento, construa uma relação forte e mostre o quão o seu conteúdo pode interessar aos leitores dele.

Comece ajudando antes de pedir qualquer coisa em troca.

3.Promover o conteúdo em redes sociais

O conteúdo promovido em redes sociais também é uma forma de conseguir backlinks.

Embora as redes sociais não interfiram na posição de um site nos mecanismos de pesquisa, elas ajudam a alcançar potenciais clientes.

E se você entregar um conteúdo interessante, vai receber mais comentários e compartilhamentos.

4.Guest posting

É uma outra técnica cujo princípio é convidar alguém para escrever um artigo para seu blog.

Hoje em dia, é uma técnica muito usada porque se baseia na relação ganha-ganha entre as partes envolvidas, ou seja, você também pode oferecer um conteúdo para o site do parceiro.

Lembrando que esse conteúdo deve vir com um link direcionando para o seu site, e sempre tendo relação com o tema que você aborda no seu blog ou site.

5.Encontre parceiros confiáveis

Busque  por parceiros que tenham uma audiência e uma atividade parecidas com a sua.

É importante também que o site tenha autoridade, e assim, o Google identifica sua relevância e por consequência, o seu também terá.

6.Link Building

Link Building é o fato de aumentar o número de links que são direcionados para o seu site.

O objetivo dessa estratégia é promover um site, melhorar sua notoriedade, visibilidade e sua classificação nos motores de busca.

7.Influenciadores

Um influenciador é uma pessoa que tem uma influência  no seu nicho de mercado.

Geralmente tem um blog muito popular, e na maior parte do tempo, compartilham conteúdo em seu site ou postam nas suas redes sociais.

Você poderia oferecer seus produtos em troca de uma postagem no blog.

Esse é o momento de obter links de qualidade e de confiança. Além disso, pode ajudar a aumentar suas vendas.

Para quem está iniciando, é melhor começar com influenciadores menores, mas com uma audiência qualificada. E à medida que o negócio cresce, aí sim pode entrar em contato com influenciadores mais conhecidos.

8.Comprar backlinks

Hoje em dia, uma das estratégias mais utilizadas para gerar mais tráfego e aumentar a visibilidade de um site é comprar backlinks.

Na página comprar backlinks, você vai aprender tudo sobre como melhorar os resultados dos seus sites e elevar o desempenho dos seus conteúdos.

O Seo Off Page trabalhando em conjunto com um bom SEO On Page

Tenha em mente que não adianta trabalhar o SEO Off Page se você não aplicar as estratégias do SEO On Page.

Simplesmente porque é muito pouco provável que alguém clique num backlink que não transmita confiança.

Por exemplo, se o seu site está cheio de erros de ortografia, com informações desatualizadas e sem nexo, dificilmente vai conseguir um backlink de um site de autoridade.

Portanto, um bom SEO On Page tem uma influência direta no seu SEO Off Page.

Por que isso?

  • Quanto melhor posicionado nos resultados de pesquisa, mais pessoas clicam em seus conteúdos;
  • Quanto mais pessoas lerem o seu conteúdo, mais pessoas podem deixar  comentários em seus artigos;
  • E  quanto mais pessoas comentam seus artigos, mais você consegue backlinks.

Então, antes de começar a trabalhar o SEO Off Page, trabalhe seu SEO On Page. Isso porque ao otimizar cada página do seu site, fica muito mais fácil tornar-se referência para outros sites.

O ideal é conseguir backlinks de diferentes sites, desde que abordem a mesma temática que a sua.

Mas lembre-se: é melhor conseguir um backlink de um site de autoridade do que vários backlinks de sites que não têm nada a ver com o seu.

O melhor é que seu site alcance as primeiras posições naturalmente.

E quanto mais alta for a classificação do seu site, vai aumentar a visibilidade e atrair visitantes mais qualificados.

Como você viu, quando se trata de aparecer nas primeiras páginas do Google, você deve combinar as técnicas de SEO On Page e SEO Off Page, pois são complementares.

E ao obter uma melhor classificação, consequentemente, mais visibilidade e mais tráfego.

Agora, se você achar muito complicado colocar todas essas estratégias em prática, nós, da QMIX Digital, contamos com uma equipe capacitada para aumentar a visibilidade do seu site e assim, aparecer nas primeiras posições do Google.

O que é SEO ONPAGE e quanto custa trabalho de SEO ONE PAGE?

seo-onepage

Quem trabalha com marketing de conteúdo, provavelmente já sabe o que significa SEO On Page, mas se é a primeira vez que você está tendo contato com esse termo, talvez esteja meio perdido.

Apenas lembrando que a visibilidade do seu site é um dos principais fatores do sucesso de sua empresa, e para isso, o site deve estar posicionado nos primeiros resultados dos mecanismos de busca.

Não é à toa que cerca de 75% dos internautas vêm da primeira página de pesquisa.

De uma forma bem simples, SEO On Page refere-se a técnicas para otimizar as páginas do seu site para que sejam melhor posicionadas nos resultados das páginas de pesquisa. 

É claro que quem não conhece, vai ficar meio sem saber como essa técnica vai ajudar a posicionar melhor o site nos mecanismos de pesquisa, mas quando começar a colocar em prática, vai perceber que é bem fácil.

Apenas lembrando que o Google, principalmente em razão da inteligência artificial, consegue identificar os conteúdos mais pertinentes, e dessa forma, classifica melhor alguns sites e outros nem tanto. 

Se você tem um site e quer saber o que pode fazer para otimizar suas páginas e assim, ranquear melhor seu site, de preferência, na primeira página do Google, preparamos aqui um guia completo, com todo o passo a passo.

O que é SEO On Page?

É importante, em primeiro lugar, entender mais o que significa SEO On Page. Então, é o conjunto de técnicas com a função de otimizar cada página de um site, com a finalidade de posicioná-lo na primeira página dos mecanismos de pesquisa.

Mas antes de entrar em detalhes sobre o SEO On Page, vamos relembrar o que é SEO? 

Basicamente, é a otimização para os motores de busca. Consiste em criar conteúdo, enriquecê-lo e promovê-lo.

O SEO é dividido em SEO On Page e SEO Off Page, e a principal diferença é que enquanto o SEO On Page se refere à otimização das páginas de um site propriamente dito, o SEO Off Page se concentra em tudo o que acontece fora do site.

O nosso objetivo aqui é explicar tudo sobre SEO On Page, e vamos falar em outro artigo mais sobre SEO Off Page.

Existem alguns critérios que são levados em consideração no momento de ranquear um site, e os principais são:

  • Título da página;
  • Meta description da página;
  • Subtítulos;
  • Conteúdo.

E é com base nessas informações é que um site aparece em uma ou outra posição.

Para que serve o SEO On Page?

O SEO On Page é essencial se o seu objetivo é aparecer na primeira página dos mecanismos de pesquisa, e quem sabe na primeira posição.

Quando um site é bem posicionado nas primeiras páginas, ele tem mais chances de:

  • Melhorar sua notoriedade;
  • Aumentar sua audiência;
  • Gerar mais tráfego;
  • Encontrar rapidamente prospects;
  • Aumentar as taxas de conversão;
  • Atrair mais clientes;
  • Melhorar seu retorno sobre o investimento;
  • Se desenvolver.

Como você viu, é uma técnica que não pode ser deixada de lado quando se trata de ranquear melhor um site.

Por que fazer SEO On Page?

Você já deve ter entendido que o uso correto do SEO On Page é o que vai fazer com que um site apareça nos resultados de pesquisa, melhor ainda, apareça nas primeiras páginas.

Lembrando que quando uma página está otimizada, isso permite que potenciais clientes cheguem até o seu site.

E no momento que alguém faz uma pesquisa, a única maneira de deixar uma página visível é otimizá-la para os motores de busca.

Essa é uma das principais razões de se fazer SEO On Page.

Não adianta de nada ter um design super bonito e com ótimas imagens se o site não tiver uma boa visibilidade, que é como se ele não existisse.

Provavelmente, a principal vantagem é atrair tráfego qualificado, o que consequentemente, aumenta as taxas de conversão.

Assim, o seu site vai despertar a atenção de quem realmente se mostrou interessado pelos seus produtos e/ou serviços.

Agora que você viu como o SEO On Page é importante, separamos aqui algumas dicas para colocar tudo isso em prática.

Dicas de SEO On Page para ranquear melhor seu site

No momento de ranquear um site em um mecanismo de pesquisa, vários fatores são levados em consideração.

O principal objetivo é que o visitante encontre tudo o que procura e tenha a melhor experiência possível.

Por isso, veja algumas dicas para fazer tudo isso funcionar:

1.Escolha de palavras-chave

O primeiro passo é escolher palavras-chave, sempre relacionadas ao seu nicho de mercado ou atividade.

Hoje em dia, você encontra várias ferramentas na Internet, muitas delas gratuitas, para ajudar nessa escolha.

É importante observar quais são mais pesquisadas por seus clientes potenciais, mas vale a pena também escolher algumas não muito exploradas.

2.Título

Lembre-se que o título é o primeiro contato que alguém vai ter com o seu site, além de é o que aparece nos resultados de pesquisa.

É essencial a presença da palavra-chave que você escolheu, pois é o que mostra para os mecanismos de pesquisa qual é o tema do seu site. 

O ideal é que não seja muito grande, contendo cerca de 60 a 70 caracteres.

Para criar um título que desperte o interesse do internauta de querer saber mais, você deve:

  • Colocar um título em cada página;
  • O título deve ter relação com o seu conteúdo;
  • Sempre usar a palavra-chave principal.

3.URL

A URL, que é o endereço da página, também deve conter a palavra-chave. No caso da palavra-chave for uma expressão, ela deve vir separada com hifens.

De preferência, não use números ou letras, porque isso dificulta a compreensão.

Portanto, a URL deve ser o mais objetiva possível, porque ao mesmo tempo que melhora a experiência do usuário, será mais legível para os mecanismos de pesquisa.

Lembre-se de usar sempre HTTPS, pois isso mostra ao Google que o site é seguro.

4.Meta Description

A meta description é aquele pequeno texto que vem logo abaixo do título, que também deve ter a presença da palavra-chave, e ter no máximo 320 caracteres.

Procure tentar resumir de uma maneira que faça a pessoa sentir vontade de clicar para querer saber mais.

5.Subtítulos

Os subtítulos também fazem parte do SEO On Page, e o ideal é que cada página do seu site seja dividida em vários parágrafos e subtítulos.

Para que seja otimizada para o Google, pelo menos um subtítulo deve ter a palavra-chave principal. 

6.Introdução

Na introdução, você vai fazer um pequeno resumo do que se trata a sua página ou conteúdo, e é nessa hora que o leitor vai decidir se vai continuar ou não no site.

O Google tem um olhar especial quando a palavra-chave está na introdução, se possível, na primeira linha.

Além disso, a palavra-chave deve vir em negrito, pois isso facilita o entendimento dos robôs e faz também com que o leitor preste mais atenção.

7.Heading tags

Heading tags são as conhecidas H1, H2, H3…

Por exemplo, o título deve estar na H1; o primeiro subtítulo, na H2, e por aí vai.

As Headings tags servem tanto para o Google como para os internautas perceberem a estrutura do seu texto, e é justamente isso que possibilita classificar seu conteúdo e indexá-lo da melhor forma possível

Assim, basta dar uma simples olhada por cima que o leitor já tem uma noção do que vai encontrar.

8.Imagens

É muito comum as imagens ficarem em segundo plano, mas saiba que também podem ser otimizadas e fornecer mais informações ao Google.

Para ranquear, tente colocar uma legenda ou frase na imagem.

Isso acontece porque os robôs do Google não são capazes de visualizara as imagens, mas sim entender um texto escrito.

9.Carregamento rápido

A velocidade do carregamento de uma página é outro fator levado em conta no momento de indexar uma página.

Dessa forma, quanto mais rápido, maiores serão as chances de alcançar uma boa classificação.

Lembre-se que as pessoas hoje querem tudo muito rápido, até pela falta de tempo, e se seu site demorar para carregar, eles perdem a paciência e vão sair.

Preste atenção no tamanho das imagens, pois dependendo, podem ser muito pesadas e influenciar no carregamento.

Uma dica: em questão de segundos, sua página deve abrir!

10.Conteúdo de qualidade

Criar um conteúdo de qualidade não é apenas para o Google, mas antes de tudo para o seu leitor.

É preciso incluir as palavras-chave, mas de uma maneira contextualizada e não jogadas aleatoriamente, e sem exagerar na quantidade.

Para variar, use sinônimos, sempre agregando valor ao conteúdo do seu leitor.

Portanto, o conteúdo deve ser objetivo, coerente e o leitor precisa encontrar tudo o que precisa.

Ao escrever, se coloque no local do seu leitor e se faça as seguintes perguntas:

  • O assunto é fácil de entender?
  • Quero saber mais?
  • Encontrei o que eu estava procurando?

11.Colocar referências no texto

Colocar referências aumenta a credibilidade e autoridade de um site, claro que de fontes confiáveis. 

Escolha referências que transmitem autoridade, como por exemplo, blogs de profissionais, órgãos do governo, etc.

12. Links internos

Os links internos apontam para outros conteúdos do seu próprio site e são muito bem vistos pelos mecanismos de pesquisa.

Por outro lado, por mais que ajudem no melhor posicionamento do site, não exagere em links, e nem insira links que não têm nada a ver com seu conteúdo.

13.Backlinks grátis

Os backlinks grátis são links de outros sites apontando para o seu, e o Google privilegia muito esses tipos de links.

O ideal é adicionar apenas de 2 a 4 links externos a cada 1000 palavras, pois isso diminui a chance do usuário sair de sua página.

Além disso, os backlinks devem vir de sites com autoridade e confiáveis, e agregar valor ao seu visitante.

14.Uso de palavras-chave de cauda longa

Por fim, as palavras-chave de cauda longa, que embora não tanto procuradas, atraem visitantes mais qualificados. 

Então, todas essas dicas devem ser usadas em conjunto para um SEO On Page eficaz, e é isso que vai fazer você alcançar o seu objetivo, que é aparecer nas primeiras páginas do Google.

Nunca se esqueça que o seu conteúdo deve ser único e original, e nada de cópias, pois pode ser considerado plágio e seu site sofrer penalizado, até mesmo ser retirado do ar.

Vale lembrar aqui aqui a taxa de rejeição, que corresponde à porcentagem dos visitantes que saem do seu site antes mesmo de acessar a página principal.

Também é levada em consideração pelo Google. Por isso vale a pena incluir vídeos e imagens, porque estimulam os visitantes a continuar navegando no seu site, e não procurar pelo do seu concorrente.

O que fazer para otimizar as páginas do seu site

Agora que você já aprendeu o que é o SEO On Page e como colocar em prática, o que você deve fazer para otimizar as páginas do seu site?

  • Ter um design responsivo: site adaptado aos dispositivos móveis;
  • Velocidade de carregamento: o ideal é que a página carregue em apenas 3 segundos;
  • Buscar engajamento: ao aumentar a interação com o leitor, aumenta o número de compartilhamentos, o que é muito bom;
  • Crie um sitemap: se trata de uma ferramenta que permite o Google identificar e rastrear suas páginas, o que permite que elas apareçam nos resultados de pesquisa.

Aprenda a otimizar seu conteúdo visual

Hoje em dia, não basta mais ter um texto de qualidade para uma página ser otimizada. É preciso incluir um conteúdo visual ou um vídeo, pois chama muito mais a atenção.

Quando falamos em conteúdo rico, isso significa um conteúdo que realmente agrega valor ao seu leitor, o que por sua vez leva ao melhor posicionamento.

Confira algumas dicas para otimizar seu conteúdo visual:

  • Dê preferência por imagens originais, se possível, feitas por você mesmo;
  • Procure integrar um vídeo à sua página, pois isso pode fazer com que seus visitantes permaneçam mais tempo; 
  • Inclua imagens ao longo do texto para melhorar a experiência do usuário;
  • Integre textos e legendas a cada uma de suas imagens, e não se esqueça da palavra-chave, pois isso ajuda no seu ranqueamento natural;
  • Cuidado com o tamanho das imagens, pois isso pode afetar o carregamento do site. 

Além de todas essas dicas de SEO On Page para fazer com que seu site apareça nas primeiras páginas de resultados, vale a pena acompanhar o tráfego do seu site, qual o tempo de permanência, quantas visitas por dia/semana/mês.

O próprio Google disponibiliza uma ferramenta, que é o Google Analytics, que oferece todos os recursos para você monitorar de perto o seu site.

Depois de tudo isso, veja o que está funcionando, os seus resultados e caso perceba que não era bem aquilo que queria, não tem problema algum mudar e tentar outras estratégias.

Primeira pagina do Google

Apenas lembrando que um bom posicionamento de um site significa estar entre os primeiros 20 resultados. As pessoas querem tudo muito rápido, e se não encontrarem o que procuram quase que imediatamente, provavelmente vão procurar seus concorrentes. 

Tenha em mente sempre que um site bem posicionado é uma indicação que está tudo bem. Isso é ótimo, no entanto, é preciso continuar trabalhando sempre, principalmente para se manter naquela posição.

Você acabou de ver que o SEO On Page é uma das principais estratégias para a otimização de páginas do seu site, com a finalidade de aumentar o tráfego e melhorar o posicionamento. 

Além disso, antes de criar qualquer conteúdo, busque o máximo de informações sobre seu público-alvo, pois antes de escrever para o Google, você deve priorizar a sua audiência.

E se você achar isso complicado e achar que não será capaz de fazer, ou não tem tempo disponível, entre em contato com a QMIX Digital, nós sabemos exatamente o que fazer para que seu site apareça na primeira página do Google.

Escrever artigos SEO: descubra como crescer o tráfego do seu site

escrever-artigos-seo

Já parou para pensar que fazer a otimização de artigos em SEO no seu site, é uma das principais maneiras de conseguir um tráfego de qualidade?

Até porque, nos dias de hoje, as estratégias de SEO, é uma das coisas principais e mais levadas em consideração no algoritmo de muitos motores de buscas, inclusive o Google.

Além disso, todo o desenvolvimento de um site, começa através dos artigos otimizados, uma vez que eles serão o berço e o foco do público que vai acessar.

Ou seja, se você deseja melhorar a posição do seu site, deixando-o nas primeiras e principais posições, pegando um tráfego de qualidade, essa pode ser a solução.

Portanto, para que você possa entender melhor sobre essa estratégia, citaremos um guia completo a respeito da otimização de artigos em SEO no seu site.

Escrever artigos em SEO

Antes de falarmos a fundo sobre o que você precisa, para escrever os seus artigos em SEO, precisamos conhecer o que é essa estratégia.

Dessa forma, antes de qualquer coisa, você sabe o que é o SEO?

SEO significa Search Engine Optimization (otimização para mecanismos de busca), se referindo a um conjunto de técnicas para otimização de sites, blogs e paginas da web em geral.

Para entender o que os profissionais de marketing querem dizer com artigos em SEO, é útil dividir a frase em suas partes componentes:

“SEO”: refere-se à otimização de mecanismos de pesquisa, ou o processo de otimizar um site para que as pessoas possam encontrá-lo facilmente através de mecanismos de pesquisa como o Google.

“Artigos”: Queremos dizer qualquer informação que resida na web e possa ser consumida na web

Ou seja, quando falamos em otimização de artigos em SEO, estamos nos referindo a conteúdos criados com o objetivo de atrair tráfego de mecanismo de pesquisa.

Portanto, de uma forma resumida para você entender, SEO será uma estratégia usada nos seus conteúdos, que vão direcionar ele para ter desempenho no Google.

Logo, se o seu foco é aumentar o número de visitantes, engajamento do seu site e conteúdo como um todo, essa é uma técnica essencial.

Como escrever artigos em SEO?

Se você nunca teve contato antes com essa estratégia, certamente tenha muitas dúvidas a respeito de como ele funciona.

Primeiramente, você precisa saber que criar artigos otimizados, significa escrever conteúdos que atendam os principais fatores de ranqueamento.

E, se você não sabe, o principal fator de ranqueamento no Google hoje, é se o conteúdo entrega valor, e vai trazer uma boa experiência ao usuário.

Hoje em dia, para que o conteúdo seja otimizado em SEO, ele precisa seguir alguns requisitos específicos, como:

Palavra-chave ideal

Acredite, tudo começa através da palavra-chave que você vai colocar no seu artigo, pois isso não vai guiar apenas a sua escrita, mas também praticamente todo o seu ranqueamento.

Nesse sentido, você deve escolher a palavra-chave ideal, para usar nos conteúdos, e conseguir resultados positivos.

No entanto, saiba que o SEO não segue um certo padrão, onde cada profissional usa uma estratégia para escolher aquela com melhores resultados.

Porém, existem 3 requisitos que você deve sempre levar em conta na hora de escolher a palavra-chave, sendo:

1.Dificuldade de ranqueamento;

2.Volume de buscas;

3.Posicionamento atual do site para aquela palavra escolhida.

Sites como a ubertsuggest podem lhe ajudar de forma gratuita a encontrar a palavra-chave correta.

Se você deseja crescer no ramo do marketing digital, saiba de uma coisa: mesmo com um texto impecável, se ele não estiver com uma boa palavra-chave, de nada vai adiantar.

Outras coisas entram em jogo quando falamos nas palavras chaves, como a sua densidade, onde está localizada, e dentre outras coisas.

Tudo isso contribui diretamente no desempenho do SEO.

Backlinks e linkagens externas

Outra coisa essencial para que o SEO funcione e o conteúdo seja otimizado, são as linkagens externas e os backlinks.

Dessa forma, isso porque o Google monitora diretamente a quantidade e qualidade desses links, vendo se o seu post possui referência, o que fortalece a sua relevância.

Ou seja, quantos mais links externos estiverem dentro do seu site, ou direcionando para ele, como os backlinks, mais autoridade e posição sua página ganha.

Por esse motivo, adquirir backlinks de qualidade e com relevância é algo extremamente importante para o seu negócio, e muito levado em consideração pelo algoritmo do Google.

Sem nenhuma opção de link externo, seu site dificilmente terá um bom desempenho.

Imagens e elementos visuais

Ter imagens e elementos visuais, como vídeos, no seu texto, consegue proporcionar uma leitura dinâmica, e menos cansativa.

Por exemplo: Você prefere ler aquele artigo com texto bruto? Ou aquele que tem imagens, deixando a leitura mais fácil e simples de entender?

Certamente a segunda opção é a que você vai escolher.

Então, ter imagens e elementos visuais no seu conteúdo, é uma das principais formas de otimização de artigos em SEO.

Tamanho do texto

Como você pôde ver anteriormente, uma das principais coisas levadas em consideração pelo algoritmo do Google, é a experiência do usuário.

Desse modo, o seu texto precisa ter um tamanho, abordando o tema de forma completa, e assim satisfazer o usuário.

Além disso, ele precisa ter um tamanho considerável, para também permitir encaixar de forma natural a palavra-chave no artigo.

Além de tudo isso que foi citado, você precisa levar uma série de outras coisas em consideração, para entender essa estratégia e colocar ela em prática, como:

1.Parágrafos curtos

2.Linguagem direta e intuitiva

3.Listas (bullet points)

4.Chamada para ação

5.Links internos

6.E dentre outros

Portanto, se você ver um artigo nas primeiras paginas do Google, certamente ele deve conter todos esses principais requisitos.

Quais a importância da escrever artigos SEO?

De início, você precisa saber que todos os buscadores, possuem o que chamamos de resultados.

Esses resultados podem ser orgânicos, que basicamente são gratuitos, sendo o tráfego vindo das redes sociais, das próprias pesquisas no motor de busca, e dentre outros.

Além disso, temos também o tráfego pago, que basicamente vem através na maioria de anúncios monetizados.

Sabendo disso, saiba que uma das primeiras importâncias dos artigos otimizados, é que eles vão focar exatamente no tráfego orgânico.

Até porque, caso você não saiba, hoje o Google é um dos maiores buscadores do mundo, onde de acordo com a StatCounter, ele detém mais de 90% das pesquisas globais.

Ou seja, estar otimizado para esse mecanismo, vai fazer o seu site ficar bem posicionado nas primeiras posições, para quando o usuário fizer uma pesquisa, aumentar as chances de você ser escolhido.

Quantos mais acessos você tiver, mais resultados, não é?

Por exemplo: vamos supor que os seus artigos sejam destinados para vender um curso. Quanto mais pessoas acessarem o seu site, e lerem aquele artigo, maior será a chance de venda, não é mesmo?

Ao contrário, você conseguiria vender aquele curso se o seu site fosse muito parado? Com pouco tráfego? Certamente não.

Portanto, é por esse motivo, que é muito importante utilizar as estratégias de SEO no seu artigo, direcionando o seu site a maiores resultados.

Qual ferramenta usar para escrever seus artigos SEO?

Se você mesmo deseja começar a impor o SEO no seu site, sem ajuda de uma ferramenta essa tarefa pode chegar a ser quase impossível.

Isso porque, muitos são os detalhes que os artigos precisam conter, e seguir à risca pode ser uma tarefa complicada.

Sem contar que o Google, principalmente nos últimos tempos, vem se atualizando bastante, mudando os seus principais requisitos de ranqueamento.

No entanto, se você está preocupado com isso, pode ficar tranquilo, uma vez que existem ferramentas próprias para isso.

Atualmente, uma das ferramentas mais completas, é o plugin da Yoast SEO, sendo uma das mais comuns e usadas pelos profissionais.

Essa ferramenta é basicamente um plugin do WordPress, sendo uma das mais atualizadas, em relação ao algoritmo do Google, com um número muito grande de recursos incorporados.

Para você ter uma ideia, hoje ele é o plugin mais baixado de todo o WordPress.

Sendo assim, com ele você consegue acompanhar o nível de SEO do seu artigo, onde ele pode ajudar e identificar possíveis erros no seu texto, que levem a um baixo desempenho.

Lembrando que no próprio plugin, a criação de conteúdo com foco em palavras-chave.

Como instalar o plugin SEO?

Se você deseja instalar o plugin no WordPress do seu site, para fazer a otimização de artigos em SEO, saiba que é tudo muito simples.

Confira os passos:

1.Acesse o Dashboard do WordPress do seu site;

2.Depois clique na categoria “plugins” localizada geralmente à esquerda da tela;

3.Passe o mouse e clique na opção “adicionar novo”, para você ser redirecionado para biblioteca de plugins do WordPress;

4.No campo de pesquisa digite “Yoast SEO”

5.Por fim, clique no botão “instalar” e em seguida “ativar plugin”.

Pronto! Depois disso, o plugin já vai estar instalado no seu site.

Você precisa configurar o plugin com base no seu negócio.

Lembrando que o plugin tem a sua versão paga, que traz uma série de recursos extras.

Considerações finais

Se o seu site está parado e não tem um desempenho satisfatório, não trazendo resultados, saiba que uma boa estratégia está em falta.

Por fim, fazer otimização de artigos em SEO é uma das principais coisas a se fazer nesse caso.

Se atualize, ou perda o seu posto para concorrência.

1º página do Google: autoridade e credibilidade para sua empresa!

como-colocar-site-primeira-pagina-google

Para várias pessoas, a fórmula de conquistar a primeira página do Google de maneira orgânica permanece uma incógnita e muitas se questionam: “como ficar na primeira página sem pagar se hoje em dia a concorrência é grande e o número de pesquisas diárias é gigantesco?”

Oficialmente, a empresa citada acima não revela como funciona o posicionamento dos sites em sua plataforma. Todavia, existem alguns elementos gerais que podem ajudar seu website eletrônico a conquistar melhor posicionamento no ranking, um deles é a relevância do conteúdo.

Caso queira entender mais sobre o assunto e descobrir como é possível colocar o site da sua empresa ou negócio na primeira página do Google sem pagar nada, continue a leitura. No entanto, antes de entrar no “X da questão”, compreenda porque é fundamental conquistar a primeira página nos motores de busca.

Primeira página do Google: qual a importância?

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), quase 117 milhões de brasileiros acessam a internet diariamente. Além disso, todos os dias, somente no Google, são feitas mais de 40 mil consultas por segundo, sendo muitas delas referentes à intenção de compra, respostas relacionadas a uma dor ou locais para se hospedar.

Não é por acaso que vários profissionais que trabalham com Marketing Digital – vamos confessar, não é apenas eles – sonham em saber a fórmula mágica de aparecer na primeira página do Google sem pagar nadinha.

E não é por menos. A maioria das pessoas clica somente nos primeiros resultados que aparecem na primeira página pois, normalmente, são capazes de atender suas necessidades e esclarecer suas dúvidas.

Se sua empresa ou negócio aparecer na primeira página do Google ao pesquisarem sobre seu segmento, significa que seu site tem autoridade e autoridade, neste caso, significa dinheiro. Além disso, ter um site na primeira página de qualquer motor de busca confere mais visibilidade, fato que amplia seu alcance na internet.

medico-especialista-joelho

Investir em site ou redes sociais? Eis a questão!

Investir em redes sociais está na moda e esses canais são importantes para você apresentar o que de melhor tem a oferecer. Em síntese, as redes sociais funcionam como um portfólio, no qual é possível expor seus produtos e serviços. Se utilizadas corretamente, plataformas digitais como Instagram ou Facebook podem trazer resultados positivos.

Entretanto, você já observou que quando precisa encontrar um produto ou serviço que não conhece o fornecedor recorre a plataformas de pesquisas como Google, Bing ou Yahoo?  Quem nunca buscou no Google por um médico ou dentista especialista em uma determinada área de saúde? Ou, ainda, procurou por hotéis em uma cidade especifica?

Enfim, o termo “pesquisa no Google” é uma realidade e você está deixando de ganhar dinheiro e autoridade se não estiver bem ranqueado, ou seja, bem colocado nesse e em outros motores de busca.

Então investir em redes sociais é errado?

Não está errado! Investir em redes sociais e ter um site bem ranqueado nos motores de busca se completam.

Ser encontrado de forma orgânica no Google e ter boas fotos e conteúdos nas redes sociais facilitam a tomada de decisão do seu novo “lead”.

“Mas o que é esse tal de lead que muitos falam?”

“Lead” é um potencial consumidor que te encontrou nos sites de pesquisa ou redes sociais e demonstrou interesse em seu serviço ou produto.

Veja um exemplo simples!

Uma família procura no Google uma pousada para passar às férias de final de ano. Na primeira página, sites e plataformas de hospedagens com diversas opções aparecem. Após selecionar algumas, é comum que o “lead” busque por mais detalhes dentre as opções que gostou. Um local muito utilizado para conseguir essas informações é justamente as redes sociais.

Nessa hora, quem tiver nas redes sociais boas fotos, vídeos e textos explicativos para o usuário leva a melhor.

pousada-em-japaratinga-alagoas

Google Ads vale a pena?

Google Ads é uma ferramenta paga utilizada para gerar receita para empresas por meio de links patrocinados. Embora seja eficiente e usada por diversos segmentos, para que ela realmente seja útil, é fundamental compreender seu funcionamento. Uma campanha elaborada sem conhecimento no Google Ads pode, além de consumir todo o recurso aplicado, não trazer bons “leads”.

Ademais, apesar de ser uma boa ferramenta, o Google Ads tem um problema bem significativo. Pesquisas revelaram que a maioria dos internautas não clica em links patrocinados, pois acreditam que eles não tenham muita credibilidade. Os usuários entendem que basta ter dinheiro para aparecer ali, independentemente do produto ou serviço ter qualidade ou não.

Outra barreira para uso do Google Ads é o custo do clique. Ao fazer uma campanha para levar tráfego para seu site ou redes sociais, o valor é cobrado por visualização e por clique. Esse clique que leva ao seu site ou rede social passa por um tipo de leilão por palavra-chave e, dependendo do nicho, cada clique sai muito caro.

google-ads-goiania

Como sair na primeira página do Google?

Para sair nas primeiras páginas do Google de forma orgânica você precisa investir em SEO –clique aqui e saiba o que é SEO.

Sair na primeira página do Google, além de dar autoridade ao seu negócio, faz você economizar tempo e dinheiro.

Para conseguir esta façanha é preciso ter um site otimizado, principalmente para smartphones, ser rápido e, ainda, ter conteúdos e backlinks de qualidade.

Após essa breve introdução, confira detalhadamente 6 dicas que vão fazer sua empresa aparecer na primeira página do Google sem você precisar enfiar a mão no bolso.

6 dicas para colocar o site na primeira página do Google

Site otimizado

Pesquisas mostram que, atualmente, 86% dos acessos a sites e redes sociais no mundo são feitos através de algum celular. Portanto, para agradar ao Google e aos outros motores de pesquisa, seu site precisa ser responsivo é de fácil uso nesses equipamentos. Nada adianta um site lindão nos computadores com enormes telas e de difícil leitura em celulares. Desse modo, se você já tem um site, faça um teste em seu celular.

google-search-console-celular-goiania

Velocidade de navegação

Você já tentou entrar em algum site e desistiu porque ele demorou para abrir? Se sim, fique sabendo que você não foi a única pessoa que passou por isso. Diversas empresas que desenvolvem sites nunca se preocupam com a velocidade de navegação, tendo em vista que seus clientes, por falta de conhecimento, nunca questionam esse quesito.

Essas empresas hospedam esses sites em hosts compartilhados com dezenas de outros sites, o que acaba comprometendo a velocidade de navegação.

E por que fazem isso? Para ganharem mais dinheiro!

Ou seja: cobram valor de hospedagem de qualidade, entregam serviço ruim e embolsam a diferença.

Investir em hospedagem de qualidade, como no provedor americano Digital Ocean, não é barato, mas cada centavo aplicado vale a pena. Se você navegar em sites hospedados em hosts de qualidade, verá nitidamente a diferença.

Em resumo, no item velocidade de navegação, você só vai conseguir agradar ao Google se seu site for rápido. Faça um teste com o celular de um amigo que nunca navegou em seu site ou use as diversas ferramentas existentes na internet, como o site gtmetrix.com.

gtmetrix-site-revista-mais-saude-goiania
Site: Revista Mais Saúde

Conteúdos de qualidade

Se você possui um site que em suas páginas não têm quase nada de informações, fotos pesadas e ruins, nenhum blog com dicas importantes para seus clientes, qual seria o motivo do Google te colocar na primeira página?

Cada vez mais as pessoas buscam na internet informações de produtos e serviços antes de comprar. Esse “novo normal” se intensificou com a chegada da pandemia da Covid-19 e deve permanecer.

Antes do isolamento, muitos brasileiros nunca haviam realizado uma compra online. Porém, depois dessa nova realidade imposta, várias pessoas acabaram comprando e gostando das facilidades.

Esses “Leads” pesquisam muito antes de comprar ou fazer qualquer serviço. Se abastecem de informações em blogs e redes sociais antes de comprar. Se você tiver blogs com conteúdo de qualidade para esse público, a chance de ser encontrado nos motores de pesquisa e realizar bons negócios é bem maior do que seus concorrentes.

Como conseguir bons conteúdo? Bons redatores!

blog-site-medico-goiania
Blog site: Dr. Aurélio Felipe Arantes

Agora vamos te explicar o que são backlinks

Imagine você com uma tremenda dor no ombro porque sofreu uma lesão jogando futebol e precisa consultar um médico especialista em ombro. Você pergunta aos amigos e um diz: “procure fulano de tal que ele é bom.”

Então, você acabou de ver um backlink no parágrafo acima em que tem um link no termo “médico especialista em ombro”.

São diversos os tipos de backlinks – não vamos entrar em termos técnicos neste artigo para não estender muito. Mas, em resumo, backlinks são links apontando para seu site. Esses links precisam estar em locais estratégicos para que o Google leve em consideração que seu site tem autoridade.

Esses links também possuem a função de levar tráfego para seu site e possíveis “Leads”, é claro.

Conecte o site às redes sociais

Compartilhar conteúdos nas redes sociais é outro item que ajuda seu site a ficar na primeira página do Google e de outros motores de busca. Por isso, como mencionado logo no início deste artigo, tenha uma conta no Facebook e Instagram. No site, adicione botões de compartilhamento nos artigos.

Além disso, também é fundamental incluir os links das redes sociais no rodapé do site. Ao fazer isso, você notará a diferença, pois o público-alvo com certeza vai querer interagir.

segunda-pagina-google-meme

Coloque sua empresa no Google Maps

Outra ferramenta que você pode utilizar para o site da sua empresa aparecer gratuitamente na primeira página dos motores de busca é o Google Meu Negócio. Nessa ferramenta é possível colocar dados como endereço, horário de funcionamento e contatos.

Essa funcionalidade do Google é relevante pois diminui a distância entre você e seu cliente, ou seja, os laços se estreitam. Com isso, o cliente pode conhecer um pouco da sua empresa ou produto antes mesmo de chegar ao local físico. Sabe como isso é possível? Por meio das avaliações de outros clientes, fotos, etc.

Além disso, colocar sua empresa no Google Maps também possibilita que a clientela da sua região tenha maior contato com sua marca, visualizando-a ao realizar buscas locais.

google-meu-negocio-goiania
Ficha Google Meu Negócio: TDCK Óculos e Armações

Segurança dos usuários

Outro aspecto importante e um dos fatores de rankeamento do Google é a segurança dos usuários. Para analisar esse ponto, o motor de busca verifica se as páginas do site estão protegidas com o certificado SSL, ou seja, se o HTTP é alterado para HTTPS.

O HTTPS criptografa as informações inseridas pelos usuários e oferece mais proteção à navegação e uso de dados. Como você já deve saber, o Chrome é o navegador oficial do Google. Se você entrar em um site que não é seguro, por exemplo, o navegador te avisa que o site não é seguro, pois não possui o certificado HTTPS instalado, isso pode ser bem negativo caso você trabalhe com vendas direto no site, pois afetará diretamente sobre a decisão do cliente de adquirir um produto, tendo em vista que ele não se sentirá seguro para fechar o negócio.

Sem sombras de dúvidas, se o site da sua empresa conquistar o primeiro lugar na página do Google de forma orgânica, isso pode trazer maior retorno sobre os investimentos e, ainda, reduzir os gastos constantes com anúncio.

Por isso, coloque essas práticas em ação e veja a mágica acontecer ao conquistar o lugar que sempre sonhou. Entretanto, caso não disponha de tempo para fazer isso, contrate uma agência de marketing digital.

site-imobiliaria-goiania
Site Imobiliária: QMIX Imóveis

Quanto custa tudo isso?

Você vai precisar de uma agência SEO ou um profissional que trabalhe com SEO (Search Engine Optimization) para elaborar e excetuar um projeto com o propósito de conseguir o êxito de colocar seu site na primeira página do Google.

Para elaborar e executar o projeto com sucesso, são necessárias ferramentas de pesquisas que não são nada baratas. Os profissionais vão estudar as palavras-chave mais importantes para seu negócio e também a concorrência, analisar ou desenvolver um bom site e, ainda, produzir conteúdo de qualidade.

SEO não é rápido e nem barato, mas podemos garantir que é mais duradouro, traz autoridade e ao longo do tempo é muito mais barato do que investir em Google Ads ou impulsionamento em redes sociais.

Ficou interessado? Fale conosco!

Por que minha empresa precisa de site? Pergunta constante no Google

por-que-preciso-ter-um-site

“Por que ter um site?” Bom, se você acha que criar um site para divulgar sua empresa ou negócio é uma questão de luxo ou capricho, está enganado. Ter um site atualmente é essencial para sua empresa ganhar mais visibilidade na internet e, por consequência, conquistar mais clientes.

Sites funcionam como uma vitrine para os seus negócios e ainda facilitam o atendimento ao cliente, seja você proprietário de um hotel, escritório de advocacia, imobiliária, restaurante, hospital, consultório médico, supermercado, etc.

Enfim, não importa com qual segmento você trabalhe, se seu objetivo é ter mais lucro, invista na criação de um site. Talvez essa breve introdução não tenha respondido seu questionamento “Por que ter um site?” Por isso, continue lendo e descubra porque é fundamental ter uma página na web.

Por que ter um site com tantas redes sociais por aí?

Você nos pergunta: “Por que ter um site com tantas redes sociais por aí? Bom, vamos te responder com dados. Segundo o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), melhor do que ser encontrado nas redes e ser visto na primeira página do Google.

É o que mostra a pesquisa que a instituição fez com micro e pequenas empresas. Conforme os dados, o Google é o primeiro site que os empreendedores procuram quando necessitam de ajuda. Entre os micro e pequenos empreendedores, cerca de 63% pesquisam fornecedores e preços online antes de contratar os serviços.

No entanto, somente 27% dos empreendedores têm site para seu negócio. Agora pare e pense: se você fizer um site, estará à frente dos seus concorrentes. Então, acreditamos que chegou a hora de você parar de se questionar “Por que ter um site?”

A pesquisa do Sebrae mostra, ainda, que 78% dos entrevistados dizem que ter um site expõe o negócio de maneira mais profissional; 70% revelam que o marketing digital ajuda a atrair novos clientes; e 69% afirmam que a presença online ajuda a empresa a se destacar da concorrência.

Em síntese, por meio das redes sociais você pode manter contado com seus clientes atuais. No entanto, como os novos vão encontrar a sua empresa? Já imaginou quantas buscas são feitas diariamente no Google sobre “onde se hospedar?”, por exemplo?

Por que ter um site se minha empresa é pequena?

Você me pergunta: “Por que ter um site?” Eu te respondo com outra indagação: você conhece alguma empresa de sucesso que não tenha seu próprio site? Independentemente do tamanho, segmento ou local, a presença na web é o denominador comum entre todas as marcas de sucesso.

O Google faz parte do dia a dia das pessoas e ambiente virtual está nas mãos delas por meio de seus smartphones. Para você ter uma ideia, diariamente são feitas mais de 3,5 bilhões de pesquisas nesse mecanismo de busca. Fato que torna esses internautas potenciais clientes.

Percebeu que se sua empresa não tiver presença digital, perde espaço para concorrência? Além disso, empresas que não possuem site são vistas como ultrapassadas, pouco profissionais e inacessíveis, haja vista que não oferecem uma forma de se comunicar com os clientes, fato que interfere (e muito) na sua credibilidade.

Agora, depois dessa breve introdução, responderemos à pergunta “por que ter um site” de forma mais aprofundada e persuasiva. Pronto para conhecer as vantagens de ter uma página na web?

Por que ter um site? Listamos 6 motivos!

Se você estiver relutante em criar um site para sua empresa ou negócio pois possui uma página no Facebook ou conta no Instagram, saiba que um canal não substitui o outro, eles se completam.

Além disso, se sua empresa tiver um site com domínio próprio, realizar campanhas de e-mail marketing se torna eficaz, pois essa é a forma mais eficiente de relacionamento com o cliente e também de conversão de vendas.

Então, você quer levar seus possíveis clientes para seu site ou para uma página nas redes sociais? Fazendo uma analogia: você gostaria de se encontrar com seus clientes para fechar vendas importantes em sua própria loja ou em uma praça?

Além disso, no site é possível criar links que direcionem os internautas para suas redes sociais. Bacana, né? Agora listamos seis motivos que vão responder de uma vez por todas sua dúvida de “Por que ter um site?”, Confira!

  1. Maior visibilidade

Você vende produtos de alta qualidade, tem o melhor atendimento e sua empresa é sensacional. No entanto, isso de nada vale se seus serviços ou produtos não forem encontrados na primeira página do Google quando o internauta fizer sua pesquisa.

Se uma pessoa for viajar e quiser pesquisar, por exemplo, “Pousada em Japaratinga“, fará uma pesquisa no Google. Se o seu site não for encontrado, adivinha… Sua pousada, hostel, hotel perderá hóspedes.

  1. Ganhar autoridade no mercado

“Por que ter um site?” Conheça agora mais um motivo! Com um site sua empresa tem muito mais mecanismos para promover seus negócios.

Por meio da criação de conteúdo, publicados no blog, você prova para o público que domina todos os assuntos inerentes ao seu nicho e, ainda, demonstra que tem capacidade técnica para dar ao cliente o que ele precisa.

Pode apostar: blogs geram autoridades e ajudam a vender!

  1. Alavancar as vendas

Ter um site também é extremamente útil para impulsionar as vendas, sejam elas consultivas ou e-commerce.

Se a venda for consultiva, por exemplo, o site funciona como um apoio ao vendedor na hora de fechar um negócio. Caso seja e-commerce, o cliente efetua a compra na hora que se sentir mais confortável, não importa se é Feriado de Páscoa ou 3 horas da madrugada – a internet nunca fecha.

Por meio do site também é possível promover os produtos e serviços da sua empresa de forma mais atrativa, dinâmica e visual, propiciando uma experiência ímpar àqueles que visitarem sua página na web.

  1. Expandir seus negócios

Independentemente de qual seja seu negócio, com certeza um dos seus objetivos é expandi-lo e, para isso, é necessário ter um site. O site, na maioria das vezes é o primeiro canal de contato entre sua empresa e seu futuro cliente.

  1. Romper barreiras geográficas

Ter um site rompe as barreiras da localização geográfica. Se seu nicho for locação de pousada ou hotel, por exemplo, seu negócio não precisa ficar restrito aos clientes próximos a sua região, pois se você tem uma página na web, poderá receber clientes de todo o Brasil e de outros países.

  1. Se relacionar com o público

Tirar dúvidas online sobre produtos ou serviços tornou-se hábito do consumidor brasileiro. Antes de se hospedar em um hotel, por exemplo, ele entra no site para saber o valor da estadia, ver fotos dos quartos, ter informação sobre o café da manhã, etc.

Por isso, é essencial manter um bom relacionamento com seu público nesse canal, pois um site é praticamente um escritório virtual. Sendo assim, os visitantes devem ser tratados como se estivessem visitando pessoalmente sua empresa.

Desse modo, publique conteúdos no blog que sejam de interesse deles, responda os comentários feitos nas postagens do blog, crie uma central de relacionamento com respostas para dúvidas mais comuns, tenha um chat em tempo real para atender aos clientes, etc.

Sua pergunta “por que ter um site” foi sanada?

Se sim, da próxima vez que a pergunta “por que ter um site” pairar sobre sua mente, lembre-se de todas as dicas citadas e não perca mais tempo. Contrate uma agência de marketing digital para criar um site para sua empresa e não permita que negócios sejam engolidos pela concorrência.

Afinal, como mencionamos mais acima neste texto, as pessoas hoje em dia procuram tudo na internet. Desse modo, se elas não encontrarem sua empresa, certamente encontrarão seu concorrente.

A seguir, vamos falar de outro ponto crucial, pois não basta ter um site, é fundamental que ele apareça na primeira página do Google – de preferência no topo.

Por que o site deve estar na primeira página do Google?

“Por que o site deve estar na primeira página do Google?” é uma dúvida que surge quando alguém decide criar uma página na web. Você tem a resposta para essa pergunta? Se não, veja esses exemplos bem didáticos a seguir.

Liechtenstein, Tuvalu e San Marino são países turísticos prósperos e bonitos. No entanto, estão entre os locais raramente visitados no mundo, juntamente com o Butão, a Bielorrússia e segunda página do Google.

E as piadas não param por aí… Você sabe qual o melhor local para esconder um cadáver? Dizem que é na segunda página do Google

segunda-pagina-google-meme

Piadas à parte, o fato é que os internautas raramente (mas é excepcionalmente mesmo) clicam na segunda página do Google, uma vez que, geralmente, os três primeiros resultados exibidos são capazes de atender às necessidades e dúvidas deles – se você vai além da primeira página, você é um desbravador.

Por isso, não conte com a sorte! Ter um site na primeira página proporciona uma visibilidade indispensável para ampliar o alcance da sua empresa na internet. Por outro lado, não aparecer na primeira página do Google é dar um passo para trás nos seus negócios.

Desse modo, não perca mais tempo e contrate uma agência de marketing digital para colocar o site da sua empresa no topo, pois de nada adianta ter, por exemplo, um hotel paradisíaco se ele não recebe hóspedes.

Como colocar meu site na primeira página do Google?

A pergunta “Como colocar meu site na primeira página do Google?” deve estar martelando na sua cabeça neste momento, não é mesmo? Bom, para colocar seu site no topo das buscas, existem fórmulas mágicas (técnicas chamadas de SEO), são elas que permitem que os robôs do Google encontrem sua página no Google.

Mas o que é SEO?

A sigla SEO (Search Engine Optimization) em tradução livre para o português significa “otimização para mecanismos de busca”. Em síntese, SEO é um conjunto de técnicas que podem ser empregas para fazer com que o site da sua empresa conquiste a primeira página do Google.

Dentre as técnicas de SEO utilizadas podemos destacar o uso de palavras-chave, produção de conteúdo de qualidade, meta description, links patrocinados, imagens, etc. Apesar das técnicas de SEO serem eficazes, chegar à primeira página do Google pode ser um processo demorado.

Por isso, tenha paciência, pois existe todo um processo de construção de autoridade do seu site, no qual o Google avalia constantemente a qualidade dele. Se seu site não tiver qualidade, os robôs o considera irrelevante e ele não aparece nas buscas para os internautas.

Os robozinhos são bastante exigentes, viu?

Como ficar na primeira página do Google?

Voltamos à pergunta “Como ficar na primeira página do Google?”… Bom, para um site aparecer na primeira página do Google diversos fatores são considerados – já falamos que ele precisa ser otimizado com as técnicas SEO. Mas antes de tudo, ele precisa ser desenvolvido por um web designer.

Ao criar um site para sua empresa, esse profissional permite que você altere o layout e seu site será exatamente como você deseja, sendo modificado de acordo com suas preferências e gostos.

Agora se você optar por um site pronto, sempre haverá uma empresa ou alguém com o site igual o seu, pois o layout é limitado e os modelos são iguais para todos. Diante disso, aposte em um web designer, pois ele desenvolverá um site totalmente original e do jeitinho que você idealizou.

Confira a seguir outras dicas que vão fazer com que o site da sua empresa conquiste o primeiro lugar na página do Google, dentre eles estão:

Ser dinâmico;

Fácil de atualizar;

Ter boa arquitetura;

Possuir conteúdo relevante;

Ser responsivo;

Interagir com a redes sociais;

Ter a aplicação de tags feita de forma correta, etc.

Agora que a dúvida “Como ficar na primeira página do Google?” foi sanada e você chegou à conclusão que ter um site é essencial para atrair novos clientes, o que acha de contratar uma agência de marketing digital para desenvolver um site para sua alavancar seus negócios?

Por que contratar uma agência de marketing digital?

Como você pôde perceber, criar um site de qualidade demanda tempo e, além disso, é necessário conhecer todas as técnicas SEO inerentes ao processo. No entanto, você não precisa ficar aí sofrendo ou entrar em um curso para aprender tudo isso, basta contratar uma agência de marketing digital.

A QMIX Digital é uma agência de marketing digital que conta com profissionais qualificados e preparados para te ajudar de forma personalizada e com responsabilidade – afinal, um site deve ser tratado com seriedade, pois é por meio dele que a clientela cria uma imagem da sua empresa.

Entre em contato e faça um orçamento conosco! Certamente você se surpreenderá com os precinhos camaradas que temos.